Ganhos Recorrentes

Não confundir DESEMBOLSO com INVESTIMENTO

No gráfico ilustrativo abaixo o "desembolso acumulado" é representado pela "área negativa",   pois sai dinheiro do bolso e "área positiva" representa os GANHOS RECORRENTES pelo uso correto de uma Solução de GESTÃO EFICAZ, permitindo assim trazer dinheiro, ou seja, RECEITAS em função de vários benefícios tangíveis (dados que são mensuráveis pelo DRE da Empresa) e intangíveis (melhorias na Qualidade, maior Satisfação de Clientes, Colaboradores, etc.). São "entradas" ou "bloqueios nos gastos", gerando um bom Capital pela própria Empresa e que paga futuras necessidades ou distribuição de dividendos.

merima.desembolso.ganhos

Para medir GANHO RECORRENTE temos mais de 20 Parâmetros (KPIs de Negócio) que permitem comprovar esses ganhos.

Eliminar valores de Despesas contratadasCustos ocultos dentro de algumas áreas da Empresa, geram prontas economias e que somadas VIABILIZAM na obtenção de MAIORES SOLUÇÕES de GESTÃO, evitando investimentos (com revitalizações ou upgrades customizadas).


Com BAIXO % de Desembolso sobre o Projeto, os ganhos pagam o restante desse projeto, podendo sobrar retorno financeiro para sua Empresa.

Consultem-nos para entender esses parâmetros / métricas (#) na obtenção dos benefícios de uma gestão eficaz


Criar o gráfico abaixo. Inicialmente é assinado o documento NDA – Acordo de Confidencialidade, obtem-se os dados da Empresa e produz-se as curvas para a análise de viabilidade da Mudança Sistêmica.

É um estudo específico ao seu negócio (suas Empresas), onde repostas começam a surgir, exemplo:

merima.calculo.roi_

 

 

 

 

 

 

 

 

 

1. Economia Potencial sobre custos fixos, decorrente do estudo (TCO) sobre sua infraestrutura de hoje e futura, considerando-se as possibilidades do uso da tecnologia IaaS, PaaS ou SaaS.

2. Ganho sobre a Solução no modelo tradicional (proprietária ou In-house). Onde você absorve 100% das Depreciações, Suportes e Manutenções necessárias.

3. Ganho sobre a Solução no modelo SaaS, mostrando a superioridade do modelo SaaS versus o Tradicional (CPD ou Data Center próprio), onde se compartilha recursos de infra, suporte, atualizações e otimizações voltadas ao segmento de mercado e não a único Cliente.

Obs.: Ainda existem outras analises decorrentes dos parâmetros de benefícios da gestão eficaz.


As Tendências no Gráfico ilustrativo acima são decorrentes dos dados contábeis (DRE / Balanço) da(s) Empresa(s) do Cliente. Onde podemos estimar os valores mesuráveis antes e após a estabilização do projeto, oferecendo maior transparencia da metodologia.

Algumas Empresas (que fizemos estudo) demonstraram uma FRAGILIDADE na sua SUSTENTABILIDADE como negócio em si, independente dos custos de uma nova solução, pois a área de ganhos recorrentes (que deveria ser grande) apresentaram-se pequenas, nulas ou negativas. Concluimos que internamente elas passam por problemas de limitação re recuros dos sitemas em uso, conflitos de processos, procedimentos ineficazes e até conflito de interesses interdepartamentais (que tambem surge nesse estudo).

Vale muito efetuar este pré-diagnóstico, e que pode ter zero custo ao Cliente (depende de premissas).

Estude e Mensure o seu retorno (ROI)